Últimas
Curitiba Motor Show e Trackday In (agosto 20, 2014 1:52 pm)
Ctba Motor Show e Trackday In (agosto 6, 2014 5:30 pm)
Agenda para o FDS está quente (julho 16, 2014 12:20 am)
B02_42

Test-Drive do Chery Tiggo

15 de fevereiro de 2011

carro Chery Tiggo 17 highres 02 Test Drive do Chery Tiggo

Esqueçam a nova Ferrari FF. A maioria dos brasileiros nem sabem que esse carro foi lançado. A verdade é que os chineses são o assunto quente do momento. Ainda não consegui andar nos mais comentados, o Cielo e o Face, mas tive minha primeira experiência chinesa, fora a comida e as coisinhas eletrônicas do dia-a-dia, a bordo de um Chery Tiggo.

O chinês em questão, um pequeno SUV urbano, na verdade é montado no Uruguai, e seu concorrente obvio é o EcoSport. Ou seria, porque a Cherry mira mais alto e dentro da loja pude observar um quadro comparativo com o Hyundai Tucson. Será?

Visualmente falando, não dá para comparar com o Tucson. O porte do carro é bem inferior, e o Tiggo parece um clone do antigo Toyota RAV4 de traseira. De frente ele tem linhas próprias, mas que não mostram muita personalidade. Lembra uma escola japonesa de design que já está bem esquecida.

Então, é chinês, é completo e mira no Tucson, custando menos que o Eco. Não empolga visualmente, mas não é feio. E será que é um bom carro?

Falando primeiro do interior, percebi que o carro tem um recorte das peças do painel bem abaixo do nível dos concorrentes que a Cherry quer atacar. Até mesmo o Celta fica parecendo bem acabado perto do interior do Tiggo. Os plásticos estavam mal encaixados e com muitas rebarbas. Tudo tem rebarbas. Acho que encontrei até algumas rebarbas nas rebarbas.

chery tiggo 3 Test Drive do Chery Tiggo

Ainda que a pessoa não se importe tanto com o acabamento, eu considero complicado um carro com pouco mais de 100km rodados ter tanto ruído interno. Se o Eco foi criticado no início justamente por este problema, o que o rendeu o apelido de “NhecoSport”, o Tiggo vai precisar de um apelido mais forte para passar corretamente a idéia do que acontece dentro do carro… algo como “Mocidade Independente de Padre Miguel”, por exemplo.

Vocês podem achar que eu estou exagerando, e eu espero estar, pelo bem dos consumidores. Mas no carro que eu andei, e vejam que era um carro de test-drive, que deveria estar com tudo em ordem para impressionar o consumidor, tudo fazia barulho. O vidro, se semi-aberto, vibrava tanto que parecia que iria quebrar. A suspensão rangia e estalava; O freio chiava.

Já o ar condicionado ligado no mínimo parecia o máximo de vários carros. No maximo, parecia um ventilador industrial. Alguém na china deve ter falado: “Esse vai pro brasil. Lá é muito quente. Podem caprichar”. Até o travamento automatico das portas, que só aciona acima de 50km/h, assusta. Fez tanto barulho que eu, carioca traumatizado, achei que era um tiro.

Como se tudo isso não fosse desanimador o suficiente, o acelerador é daqueles moles e fundos e o cambio parece um remo (isso, de canoa mesmo) de tão distantes que ficam as marchas. Pra não dizer que tudo é ruim, o radio é bom.

E andando? Bom, o motor – tecnologia mitsubishi, segundo a vendedora – responde até bem. Não é esportivo, nem muito esperto, mas não é vagaroso. Anda como um Gol 1.6 no transito. A direção é leve, mas tende a ser leve demais e meio imprecisa. O freio é normal. Não merece elogio mas tb não passou insegurança, nem apresentou tendencia ao travamento ou acionamento do ABS.

Quanto à estabilidade, fiz uma curva de 90º mais forte um pouco e achei que o carro inclinou e sacudiu muito. Não tive coragem de fazer a rótula, muito menos o slalom. O carro não passa segurança para gracinhas. Lembrou um Eco mesmo, só que pior.

 Test Drive do Chery Tiggo

Resumo da ópera

De tudo, o que mais marcou, no entanto, foi a sensação de estar em um carro velho. O modo de andar, os ruidos, o estilo. Sinceramente, se alguem me falasse que era um carro de 200 mil km rodados, eu teria acreditado. Nunca andei num carro tão novo que me desse essa impressão.

Acredito que o Tiggo não seja o melhor exemplo do que a Chery tem hoje a oferecer ao mercado brasileiro, tanto é que se vê muitos Cielo e Face, e poucos Tiggo. A verdade é que este pequeno SUV é barato e completo, mas deixa muito a desejar no conjunto e na qualidade. Não é um carro que eu recomendaria.

Estou ainda mais curioso para andar nos outros dois, o médio e o pequeno, porque ao menos no Rio de Janeiro eles já estão se tornando bem comuns nas ruas, e se as pessoas estão comprando, eles devem ter suas qualidades.

Vídeos:

1.

2.


  • Rafael

    Tenho um Tiggo e está com 11Km atualmente, não tenho nada a reclamar, até o momento não apresentou nenhum problema. Eu tinha um Idea adventure e não me arrependo da troca, estou 100% satisfeito.

    • papoecarro

      Interessante a troca, é carro que tme que ser avaliado com tempo mesmo. Obrigado pelo comentário.

  • Pingback: gry friv

  • Pingback: referans haberler

  • Pingback: AOC Aire iPlay

  • Pingback: Homepage

  • Pingback: Full Report

  • Pingback: film indir

  • Pingback: hardcore

  • Pingback: Möbel Shop

  • Pingback: www.tchatcheur.biz/

  • Carlos Henrique

    Eu tenho um tiggo 2011, com 20.000 km e não tem tudo isso que voce falou, é bom lembrar que o Tiggo 2010 esses sim são fabricados no Uruguai ou Paraguai, não importa, mas os 2011 são chineses, não tenho nada a reclamar, quanto as curvas se voce respeitar a placas, as quais estão lá para dizer que tal curva deve ser feita com determinada velocidade, voce não tera problemas, agora se for um porra louca no volante o ideal seria uma ferrari, ou um carro de formula 1, ou similar.
    O que eu tenho a dizer para voce é que voce foi infeliz no test drive que fez, e os seus comentarios são os piores que eu ja li, se eu tivesse lido seus comentarios antes de comprar eu teria desistido da compra, e teria perdido a oportunidade de comprar um bom carro. Se eu tivesse dinheiro, na verdade, eu compraria uma Captiva, e não um Tiggo, porem o Tiggo, tem superado as espectativas.

    • AC

      Amigo, se o seu Tiggo é o 2011 e foi fabricado em outra fábrica, em outro país, e o Tiggo que andamos foi o fabricado no Uruguai, então desculpe, não acho que nossos comentários tenham sido infelizes… Na ocasião do test-drive, não escolhemos um Tiggo ruim. Entramos em uma loja da marca como um cliente comum e solicitamos o test-drive como um cliente comum, e o carro que foi trazido por um vendedor comum para o test-drive apresentou todos os problemas e características desagradáveis listados no texto. Se o carro tivesse sido bom, teríamos falado a verdade, mas como foi ruim, falamos a verdade também! Fico feliz que você esteja feliz com o seu carro. É muito ruim comprar um bem caro como esse e ficar insatisfeito, agora se tem alguém que deveria se preocupar com clientes perdendo a oportunidade de comprar um bom carro por causa do nosso test-drive, esse alguém deveria ter sido o fabricante, que deveria ter colocado carros em boas condições no test-drive desde o lançamento, você não acha? Agora imagine se fosse o contrário, se você tivesse lido aqui que o carro era bom, e depois fosse ruim… se o carro melhorou depois, bom para os clientes. Imagino que reclamações não faltaram do modelo que testamos. Bastar dar um pulo no Reclame Aqui, ou até mesmo no Google e pesquisar.
      O papo é CARRO é um site sobre carros, e como os próprios carros não mentem, nós não mentimos. Se andamos em um carro e ele foi bem, falamos bem. Se foi mal, falamos mal. Acabou que com o tempo nós nos focamos mais em track-days do que nos test-drives, mas mesmo assim, se eu tiver a oportunidade, vou procurar dirigir um Tiggo mais novo e saber se o carro realmente está bem melhor. Por enquanto os leitores e eu vamos ter de acreditar na sua palavra, o que é uma coisa boa. Toda discussão é benéfica ao consumidor. Se o sr. achar interessante escrever uma avaliação pessoal do seu carro, nós estamos abertos a publicar a mesma em nosso site. Obrigado pela participação.

      • Carlos Henrique

        Prezado amigo, obrigado por sua resposta, gostaria de esclarecer que quando eu disse que voce foi infeliz no seu test driver, eu pretendia dizer que voce pegou um carro ruim, e quando falo que seu comentario foi o pior é que voce descreveu exatamente o que voce percebeu no carro.
        Eu faria o mesmo que voce.

  • Tiago

    Galera, e o consumo do carro?

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE